Blog | Qual o impacto de medidas ESG para empresas?

20 de janeiro de 2022

O mundo está em constante mudança, por isso é essencial que, para funcionar perfeitamente, uma empresa busque constantemente seu aperfeiçoamento. Seja através de práticas inovadoras, com pesquisas ou a implementação de medidas que otimizam os processos e economizam recursos da instituição. 

Uma das medidas que mais vem se destacando atualmente é a ESG ( do inglês Environmental, Social and Corporate Governance) que quer dizer Ambiente, Social e Governança Corporativa. Essa medida reúne critérios voltados para a sustentabilidade e fazem parte de um conjunto de ações conscientes que vem se destacando no mercado. 

Ou seja, empresas que se preocupam com as medidas propostas pela ESG, são mais propensas a receber investimentos, recursos e outros benefícios por parceiros que possuem o interesse comum na melhoria dos tópicos que fazem parte da sigla.

A ESG possibilita identificar a eficiência dos parâmetros desenvolvidos em uma intuição referentes aos seguintes pontos: 

Ambiente: indica os procedimentos adotados pela empresa em relação a mudanças climáticas, qual comportamento da empresa, seu posicionamento e atuação quanto a problemática ambiental. Também permite o acompanhamento das ações empregadas em seus resultados. 

Social: indica o relacionamento da empresa e como ela administra essa parte da comunicação entre os funcionários e todos que possuem algum vínculo com a empresa, como os fornecedores, clientes e outros impactados pelo funcionamento da instituição. 

Corporação/Governança: está relacionada às medidas políticas, econômicas e corporativas da empresa. Desde as estratégias utilizadas para pagar os funcionários, organizar contratos e estabelecer relações com fornecedores e o mercado.  

As medidas ESG representam o compromisso com o desenvolvimento sustentável do presente e futuro no planeta Terra, por tal razão está sendo cada vez mais adotada mundialmente. Representando métricas de responsabilidade social e sustentabilidade, as medidas ESG auxiliam as empresas no processo de adequação  e preparação para buscar cada vez mais equilibrar suas atividades em prol da segurança, garantindo melhor uso dos recursos, por exemplo.

Adotando o ESG, empresas dão um passo à frente para construir também uma sólida relação com o mercado. Para adotar cada ponto da métrica é preciso adequar os objetivos, valores, atualizar a estrutura da cultura organizacional da empresa e a política comportamental existente. Afinal, a construção, adequação e implementação dos critérios envolve toda a estrutura da empresa e deve ser definida através dos interesses comuns, pesquisas e investimentos que já são feitos visando a estrutura sustentável. 

Também é importante ambientar os funcionários sobre o que se trata a métrica ESG para eles acompanharem de perto o impacto das ações desempenhadas e também realizarem melhorias e adaptações conscientes na hora de lidar com as atividades atribuídas. 

Vale ressaltar que a ESG está sendo cada vez mais requisitada nas empresas e faz parte da realidade de instituições e investimentos no Brasil.  Então para se adequar é importante procurar acompanhar o tema e seguir algumas das dicas apresentadas neste texto. Saiba que também pode entrar em contato com a Renaux para tirar dúvidas e conhecer nossas soluções de gestão operacional e administrativa. 

Voltar